Mensagens

A mostrar mensagens de Julho, 2009

Philippe Jaroussky

Naqueles momentos senti-me minúsculo como uma formiga, insignificante como um fio de cabelo e transparente como um vidro, mas mesmo assim senti-me vivo! Senti-me vivo porque o que me fazia sentir pequeno e invisível não era aquilo que me fazia sentir bem, não era aquilo que faz parte do grupos de coisas que para mim constituem motivos, razões, âncoras para permanecer nos portos da vida.
Por vezes, basta estar perante algo que me leva para um outro lugar, tão distante e tão próximo das portas do mundo cujo chão piso todos os dias, um lugar físico e ao mesmo tempo um lugar que não existe, mas que se sente e se vive. Vive-se porque naquele momento somos capazes de acreditar, valorizar e transformar o talento dos outros em algo que nos dá prazer, algo que nos enche a alma e nos fazem sentir gigantes. Gigantes porque precisamos de todo esse espaço para armazenar aqueles sentimentos que nos enchem e se expandem durante aqueles momentos. Mesmo que sejam apenas por uns minutos ou um par de hor…

Super-heróis...liberdade

Imagem
E se fossemos todos super heróis?! Personagens com características fora do normal?! Qual seria o poder escolhido por cada um de nós? Para que fins usaríamos os nossos poderes ou as nossas características especiais? Para fazer o que os super heróis da TV fazem? Ou será que teríamos outros objectivos?
Por estarmos fartos da monotonia da realidade do nosso mundo, e devido à falta de incentivos pessoais, globais e de todos os outro tipos possíveis, damos asas à imaginação e damos igualmente uso ao que, os outros como nós, criam. Refugiamo-nos momentaneamente em histórias, que até podem ter como base algo nosso, mas que nos encantam por terem elementos que estão fora do nosso alcance e do nosso domínio, e vivemos fantasias que nos fazem esquecer o real. Nesses momentos a liberdade do imaginário enche-nos a alma e acreditamos na felicidade, no amor, no extraordinário, no ideal, em tudo aquilo que muitas vezes se torna invisível na nossa existência que é frequentemente questionada e desvalori…

Emoções

Imagem
A respeito de algo que se calhar à partida nada teria a ver com demonstrar emoções, mas sim com reacções baseadas no raciocínio lógico, com a razão, chegou-se à conclusão [ou para quem quiser, uma espécie de conclusão, pois para muitos nada é absoluto mas sim relativo] que nós não somos senão um contentor de emoções, que vivemos à base disso.
Somos seres emocionais e tudo o que fazemos baseia-se em emoções. Todos os nossos pensamentos são derivados de emoções que por sua vez vão gerar outras emoções. Também pode-se dizer que as nossas acções e o nosso estado de espírito são o resultado do processamento das nossas emoções.
Claro que nem todos de nós temos a mesma sensibilidade, da mesma forma que nem todos nós demonstramos as nossas emoções com transparência e isso, tal como tudo na vida, tem os seus aspectos positivos e negativos. Para uns, mostrar as suas emoções através da demonstração de sentimentos é um sinal de fraqueza, de fragilidade pessoal, para outros é uma mais-valia para o …

Do cheio ao vazio

Imagem
Quero ser Mais e sou Menos
Quero ser o Sol e sou a Lua Quero ser uma Estrada e sou um Beco sem saída Quero ser um Oceano e sou uma Gota num Lago que muitas vezes parece querer secar Quero ser uma Montanha e sou uma Pedra adormecida dentro de um buraco escuro Quero ser Eu e sou a Sombra... A Sombra que nada sabe dizer, errante e dependente da direcção e da força da luz que emana de uma fonte aleatória de sentimentos e vontades. Talvez na realidade as coisas não sejam bem assim, mas até lá o "?" marcará presença porque nunca estaremos no olhar dos olhos que nos observam, nunca estaremos a ser processados por um cérebro que não seja o nosso, e quem nos vê através do espelho não é quem nos vê e nos consegue tocar, é simplesmente uma sombra com cores e formas esbatidas num reflexo de luz, um fantasma que nasce de nós.
Divagar nas dúvidas é talvez aquilo que mais nos entretem, pelo menos no meu caso posso dizer que isso acontece muitas vezes, mas tenho de ver isso pelo lado positivo É bo…