16.17 - Dança, Dança, Dança ... Haruki Murakami


Dança, Dança, Dança é o livro que dá continuação à história do personagem (ou algumas personagens) do livro Em Busca do Carneiro Selvagem, no entanto, pode também ser lido como um livro independente já que a sua "história" tem um princípio e um suposto fim.
Quem já leu outros livros de Murakami poderá não se surpreender muito com este livro, quer pela positiva, quer pela negativa. Há que dar algum desconto devido ao facto deste livro já ter sido escrito há muito muito tempo, pois caso não o tivesse sido, na minha opinião, as referências musicais e às refeições (dois elementos típicos dos livros de Murakami) acabam por aparecer aqui talvez num tom de ligeiro exagero (há também a desculpa do título do livro ...como é que se dança sem música?!). Se fossemos pesquisar ou tentar conhecer todos as músicas ou bandas mencionadas neste livro, nunca mais o acabávamos de ler. Por outro lado, quem tiver paciência, tem pela frente um óptimo desafio, pois embora haja referências a músicas ou bandas conhecidas, há muitas outras que aposto que nunca ouviram falar.
Quem gosta dos livros de Murakami muito provavelmente também vai gostar deste, pois já estará habituado à dualidade entre o que é real e o que não é (podendo ser um sonho, podendo ser imaginação, podendo ser algo sobrenatural) e assim pelo meio não faltarão algumas surpresas. Há momentos em que as coisas parecem demorar um bocado a desenvolver-se e a história não ata nem desata...há que ter alguma paciência. Quanto às personagens em si, estas variam entre o estereotipo e o peculiar e essa mistura, no final de contas, acaba por "salvar" um pouco o livro. Quem é que gosta de ler um livro no qual as personagens não acrescentam nada de novo?

Falando do título do livro, este pode de certa forma remeter para a metáfora que é a vida, ou seja, há que dançar e tentar manter o ritmo o máximo que conseguimos ... dançar da maneira que pudermos, dançar da maneira que soubermos ... o importante é não desistir, não parar e tentar fazer os outros ver que estamos a dançar, dançar dançar.
Em breve (espero eu), com tempo, deixarei alguns excertos que certamente merecem cá estar.






Comentários

  1. acho muito bem.
    espero os excertos e opinião sobre o livro.

    (já li alguns e gostei muito)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Laura! A opinião, embora por alto, já foi dada, mas certamente que poderá ser melhorada aquando da publicação dos posts com os referidos excertos :-).

      Eliminar
  2. claro que li! :) mas não bate o primeiro. gostei muito do hotel golfinho , das cenas oníricas (li há muito tempo, mas já foi uma terceira leitura).
    nos últimos tempos foram publicados duas novas histórias (que ainda não li), num só livro e uma nova edição/tradução de Norwegian Wood, e ainda bem que a fizeram, porque não gostei muito da primeira.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas Margarida...achas que a nova edição ou tradução de Norwegian Wood irá te convencer? Este ainda não li, apenas vi o filme (há já algum tempo) que por sinal tenho de rever porque depois de mais alguns livros de Murakami pode ser que o veja com "outros olhos" e isto porque não me recordo de ter sido muito surpreendido pelo filme. Agora vou ler o "Crónica de um pássaro de Corda".

      Eliminar
    2. eu gostei da história, não gostei muito da tradução. a editora desse livro era outra, com o respectivo tradutor. agora, a tradutora dos outros romances traduziu-o novamente e ainda bem que o fez, porque ela é óptima. e irei lê-lo novamente, com outros olhos :)
      boa escolha, o pássaro.
      tens a colectânea de contos 'o elefante evapora-se?'. excelente livro. mas o after dark, para além do kafka, é a minha escolha.
      (não sei se já tinha mencionado isto antes. provavelmente).

      Eliminar
  3. Tenho esses 2 livros que falas para ler, o problema é que não sei quando o vou fazer lol.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Boas! Vais lê-los quando chegar a altura certa ou quando te apetecer regressar aos livros de Murakami!

      Eliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

16.16 - Portugal - Campeão Europeu 2016

16.14 - "Adoro" quando ... e as orelhas de elefante

17.1 - Ilusões