Waiting



Há momentos na nossa vida que são marcados por uma espera, períodos de tempo vividos com diferentes intensidades consoante aquilo que representam ou consoantes o resultado final dessa espera que poderá traduzir-se num objectivo concretizado ou algo semelhante.   


Em certas situações há ainda a possibilidade de haver múltiplas "esperas" dentro da "espera principal", como se fosse uma régua com uma série de traços que variam de tamanho, sendo os traços/riscos mais pequenos o percorrer do caminho sem grandes contratempos, enquanto que os traços/riscos maiores seriam equivalentes a momentos-chave, a momentos de maior ansiedade, a momentos que acabam por marcar um antes e um depois. É como se, nesses momentos-chave, fossemos adquirindo novas pistas para seguir em frente, recolhendo fragmentos de informação que servirão de orientação para as etapas seguintes, rumo ao objectivo maior, rumo ao desconhecido. 

Toda essa espera ou esperas, acaba por ser uma forma de enfrentarmos diferentes desafios e sobretudo alguns medos, medos que outrora poderiam não fazer diferença porque estavam ocultos, não faziam parte da equação, não nos diziam respeito, à semelhanças das coisas que sabemos que acontecem por esse mundo fora mas que mesmo assim parecem ser só coisas da televisão e da ficção dos filmes, que só nos dizem respeitam quando nos batem à porta ou à porta de alguém que não nos é indiferente.

Será hoje um momento-chave?! Ou será que no fim de contas, todos os dias são momentos-chave e que nem sempre sabemos interpretá-los como tal?!


Comentários

  1. Não acho que todos os dias sejam momentos-chave, mas há aqueles que o são, que marcam a vida de uma pessoa, e esperar por eles pode dar-nos em troca ansiedade mas por outro lado, poderá ser uma doce espera.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Há dias que passam por nós como se nem déssemos por eles porque parece que não têm nada de especial, são simples cópias de outros dias com a diferença de representar uma data diferente no calendário. Seria óptimo se não fosse assim e se cada um pudesse mesmo ser um momento-chave!

      Eliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

16.16 - Portugal - Campeão Europeu 2016

16.8 - John Verdon - Peter Pan tem que morrer ... ou não

16.14 - "Adoro" quando ... e as orelhas de elefante