Esquecimento


Aos poucos as tuas palavras foram-se transformando em silêncio e a tua presença foi ficando mais invisível do que a tua sombra. Mas não posso reclamar, se não formos ao espelho, o nosso reflexo não irá simplesmente aparecer lá. Muitas vezes usamos a expressão "o mundo é pequeno" quando chegamos à conclusão que estamos mais interligados do que pensamos, pois de certa forma conhecemos alguém que também é conhecido(a) de outro alguém que conhecemos, no entanto, a situação inversa não lhe fica nada atrás. Quantas vezes estamos a poucos metros de distância, a poucos minutos, a poucos passos, a poucos gestos, de pessoas que conhecemos, que estão relacionadas connosco de alguma forma, e na realidade parece que vivemos em planetas diferentes?! O tempo encarrega-se de resolver certas situações na vida das pessoas, mas ele não pára, e se ele consegue ser benéfico, também consegue ser o lado oposto da moeda, infectando as memórias com espaços vazios chamados esquecimento. E não é necessário chegar ao Natal para nos lembrarmos das pessoas ou para nos lembrarmos que nos esquecemos delas ao longo do ano, ao longo da vida, mas infelizmente é praticamente isso que fazemos e eu, à semelhança de muitas outras pessoas, lamentavelmente, não fujo à regra em determinadas situações. Depois há ainda a questão de esquecer ou ser esquecido e voltamos à história do ovo e da galinha. A teimosia do ser humano por vezes sufoca-o em paradoxos desnecessários que melhor analisados, ou objectivamente analisados, são na verdade bem mais simples de serem resolvidos.

Comentários

  1. '... O tempo encarrega-se de resolver certas situações na vida das pessoas, mas ele não pára, e se ele consegue ser benéfico, também consegue ser o lado oposto da moeda, infectando as memórias com espaços vazios chamados esquecimento.'

    Concordo com a primeira parte desta passagem! Discordo (no bom sentido...) da segunda: o esquecimento nunca se faz presente no que concerne as pessoas com quem cruzámos! No bem e no mal!
    No bem... de certo, modo,essas pessoas ficaram em nós!

    E não, não é preciso Natal...

    Um beijo
    (gosto do novo visual)

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

16.16 - Portugal - Campeão Europeu 2016

16.14 - "Adoro" quando ... e as orelhas de elefante

17.1 - Ilusões