Feliz Natal

E uma vez mais chegamos àquela altura do ano em que muitas palavras e gestos se repetem. À parte das coisas que já aborrecem por serem repetidas, há sempre algo novo e por vezes há diferenças que tornam quase tudo novo. Talvez seja a essas diferenças que devemos dar a nossa atenção para assim termos algum alento, termos as energias renovadas para mais um ciclo dentro daqueles que constituem as nossas vidas.

Para a maioria das pessoas existe uma chama de euforia que desperta nesta altura do ano, euforia esta (que pode ser contagiosa...cuidado!) com a qual devemos ter certos cuidados porque, tal como as coisas que fazemos porque o nosso coração assim manda, corremos o risco de ter de repensar o passado quando este presente estiver ultrapassado, e é certo e sabido que, repensar o passado nem sempre resolve muita coisa, antes pelo contrário.

Resta-me dizer a todos os que aqui passarem que, aquilo que desejo para mim e para vós, são uns dias de sossego, se possível na companhia da família (seja ela grande ou pequena), festejar da melhor forma possível o Natal, independentemente do seu significado para cada um de vós.

Sei também que o Natal não é sinónimo de festa e alegria para todos nós; Para uns, é nesta altura que se sentem mais deprimidos porque o Natal funciona como um marcador de tempo, que vem para avisar que este não pára e que já se passou mais um ano e muita coisa continua na mesma. Quando estamos presos a uma rotina, onde a evolução a vários níveis parece não acontecer, sente-se um aperto, uma ansiedade em querer quebrar limites, em querer avançar para algo.; Para outras pessoas é aquela altura em que a dor da saudade ganha maiores proporções e traz algum sofrimento que é agravado quando essa dor tem de ser suportada no silêncio.

Vivamos então em Paz connosco e com aqueles que nos rodeiam esses dias que não devem ser indiferentes a ninguém. Ganhemos forças para o novo ano que se avizinha e consigamos ganhar mais compreensão e abrir mão a mais de nós próprios para que nos possam retribuir da mesma forma...sempre sem o interesse de receber porque se está a dar algo!


FELIZ NATAL a todos!

Comentários

Mensagens populares deste blogue

16.16 - Portugal - Campeão Europeu 2016

16.8 - John Verdon - Peter Pan tem que morrer ... ou não

16.14 - "Adoro" quando ... e as orelhas de elefante