Spiders' Web

É em teias de aranha que por vezes parecemos estar a viver! Num mundo onde tudo pode estar interligado através das dobradiças, algumas já imóveis devido à ferrugem acumulada ao longo dos tempos, que ligam as linhas delgadas que nos suportam. Linhas essas que conseguem ser frágeis e robustas ao mesmo tempo.

Enquanto uns dedicam-se a percorrer essas linhas outros limitam-se a esperar pela sua próxima presa, ou vitima se quiserem.

Um mundo criado num emaranhado de fios quase invisíveis que nos deixa cair de vez em quando. Podemos aproveitar para ver quem é que vai lançar as suas teias para nos segurar e impedir que nos estilhaçamos no meio do chão de vidro. Devido à sua fragilidade há partes dessa teia que se podem quebrar criando espaços ausentes que não nos deixam passar para o outro lado. As pontes aqui são impossíveis. Ficamos distantes e perdemos o contacto, arriscamo-nos a deixar o esquecimento tomar posse de todo aquele espaço que ficou pelo meio e resta-nos vasculhar na caixa das ideias uma maneira de evitar isso ou de ultrapassar a situação. Podemos tentar atirar uma corda com toda a nossa força para ver se conseguimos alcançar o outro lado e quando o conseguimos e sabemos que alguém apanhou a outra ponta da corda que lançamos ficamos na expectativa de saber se vai conseguir segurar a corda por muito tempo ou se vai desistir e deixá-la cair no vazio, deixar-nos cair no olvidamento.

Comentários

  1. As teias de aranhas são como as nuvens, estão por todo lado e mesmo que não as vejamos, elas estão lá.

    Sejam teias de aranha, linhas ou cordas...no fundo é algo que nos leva a um caminho e se houver portas ou janelas parar abrir ou fechar tem-se que perder tempo para tirar a tal ferrugem.

    Somos todos vitimas de nós próprios e se alguém esticar a corda por onde andamos é porque em parte a culpa também é nossa, mas quem é que entende este mundo?

    ResponderEliminar
  2. Não vale a pena tentar entender o que não tem compreensão!
    Por vezes perdesse tempo a arranjar significados em vez de se partir para a acção!
    Teias existem por todo lado! Mas são elas que nos fazem ver as coisas e apreender ensinamentos que nos serão uteis para a vida!! Falo de amor, de emprego, de convivências... amizade!!!

    Gostei deste teu post! =)

    ResponderEliminar
  3. tem um texto no meu blog...o titulo é "fortaleza", a cidade que eu moro. são umas impressões que tenho quando ando pro algumas ruas daqui.. queria que vc lesse!

    até mais

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

16.16 - Portugal - Campeão Europeu 2016

16.14 - "Adoro" quando ... e as orelhas de elefante

16.8 - John Verdon - Peter Pan tem que morrer ... ou não